Total de visualizações de página

segunda-feira, 8 de outubro de 2012

Os 6 de SEIStembro....



Estilhaça-Me.

Comprei o livro pela capa. Achei muito linda. E para meu espanto, o livro é muito bom. Estou aguardando sua sequência deste, que tenho certeza, será um grande livro. A história é muito triste de início, ou melhor, durante o livro inteiro. Porém o que mais me chama a atenção é a força desta garota. Uma força incrível em suas mãos. Trazendo a lembrança nossa querida Vampira dos X-Men. Claro que eu indico este livro. Podem comprar e ler, não irão se arrepender. Julietti mistura amor, ódio, suspense, ação, através da criatividade intrínseca de Tahereh Mafi. Não deixem de ler, se assim desejarem.
 

Literatura, Pão e Poesia

Sérgio Vaz – Escritor das ruas, poeta favelado. Dá um tapa na cara do capitalismo de forma fantástica. Com seu jeito “pobre” de escrever, sem falas rebuscadas, sem empolar nem nada, passa sua mensagem a essa sociedade que perde a cada dia, sua naturalidade e amor ao próximo de forma única. Um verdadeiro poeta das ruas. Indica-se? Não tenha dúvidas, mas se você se sentir estapeado por este livro, repensem algumas atitudes em sua vida.

Bento

Uma trilogia de vampiros, cujo Autor é 100% brasileiro. Pensei – Deve ser uma merda. Errei..Merda eu ter pensado isso, e não ter ido atrás ler. Simplesmente um livro que lhe tira o fôlego do início ao fim. Intenso, mostrando uma guerra insana pelo poder. Aqueles que defendem a humanidade, contra aqueles que querem dominar o mundo através da escuridão. Se DEUS existe? O livro deixa nossa mente livre para isso, horas dizendo que tudo que acontece para os humanos é um milagre e em outros momentos, deixando a entender que Ele fechou os olhos para o mundo. Vamos a continuação, e o que o livro continue jorrando sangue.

O Último Jurado.

John Grisham como sempre, faz um paralelo entre o bem e o mal de forma ímpar. A partir de um crime bárbaro, traz para os leitores as dualidades de opiniões, as controvérsias, em uma época que também imperava o racismo. Todavia, o livro nos conquista pelo teor de detalhes e também por nos mostrar a coragem daqueles que decidem fazer a diferença e não se esconder atrás de leis, ou se amedrontar devido às represálias que possa vir a sofre.
Super indico, mais uma grande obra deste autor.

  
O Poder dos 6

A trilogia é boa, tem um contexto que chama a atenção. Mas estou começando a ficar com medo, com o rumo que algumas continuações tomam. Parece que eles precisam deixar o segundo livro morno, para arrebentar na sequência. Esta obra acima, tem seus nuances, seus momentos de lutas, correrias e descobertas. Todavia, parece que a história fica travada no mesmo ponto. Vale a pena ler, pela continuidade da trilogia, mas se não fosse isso, não seria um livro que merecesse indicação.
 

O Colecionador de Lágrimas – Holocausto, nunca mais.

Augusto Cury – Se já tinha admiração, mesmo não tendo gostado de algumas obras suas, essa me levou ao êxtase, por sua forma impar de unir assuntos tão paralelos. Simplesmente fantástico, como você disseca a mente doentia de Adolf Hittler. Simplesmente mágico, criar em cima de toda aquela guerra, um romance voltado para a Psicologia. Super indico esta obra ímpar. E quem quiser saber o que mais acho deste livro, precisa comprar e criar uma conta no www.skoob.com.br – por lá, disseco ainda mais minha opinião sobre esta belíssima obra.
 
Boa Leitura, e espero que minhas opiniões os ajudem a buscar novas obras para suas coleções.


Rafael R. Bueno

Ser @deideias é minha opção de vida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário